Casa Militar faz transporte de paciente que precisa de cirurgia no Rio de Janeiro

| DOURADOS AGORA/REDAçãO


Em mais uma missão humanitária e de saúde, a Casa Militar do Governo do Estado fez o transporte de um paciente que precisava de uma cirurgia no Rio de janeiro. A viagem ocorreu na segunda-feira (26), no período da manhã. O órgão vinculado a Segov (Secretaria de Governo e Gestão Estratégica) atendeu a uma solicitação da Secretaria de Saúde.

O paciente, de 24 anos, tem paralisia cerebral e precisa de uma cirurgia na coluna. Ele conseguiu a vaga no INPE (Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia Jamil Haddad), mas necessitava deste apoio na locomoção.

Acompanhado por sua mãe, ele foi até o Rio de Janeiro levado pela aeronave da Casa Militar. “Esta ajuda foi muito importante, agradeço muito por nos levar nesta viagem. Estamos aqui no Rio de Janeiro na fase de avaliação para realização da cirurgia. Nunca deixei ele e vou acompanhá-lo em todo tratamento', descreveu a mãe.

O chefe da Casa Militar, o coronel Marcos Paulo Gimenez, explicou que sempre que é o órgão é acionado pela saúde pública, é feita toda esta ação de ajuda e cooperação. “Uma questão humanitária, em que o Governo se prontificou em ajudar e contribuir para quem precisa. Desta vez se tratou de uma ação conjunta com a saúde pública e Corpo de Bombeiros', destacou.

Gimenez ponderou que a Casa Militar, se for acionada, também contribui nos casos envolvendo transplantes ou situação de emergência que precisam desta locomoção para outras cidades ou estados. “Estamos à disposição para oferecer este apoio necessário'.



Comentários

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE