Morador de Maracaju é o 4º de MS a ser condenado por invasão em Brasília

| DOURADOS AGORA/REDAçãO


Russo em dia de manifestação que motivou sua condenação - Reprodução/rede social

Mato Grosso do Sul teve a quarta pessoa condenada pelo pelo STF (Supremo Tribunal Federal) devido à participação nos atos antidemocráticos de 8 de janeiro de 2023, em Brasília. Ivair Tiago de Almeida, 48 anos, o Russo, é da cidade de Maracaju, e foi condenado a cumprir 17 anos de prisão.

Com esta condenação, publicada ontem, segunda (26), pelo STF, sobe para quatro o número de moradores de MS também condenados pelo mesmo crime em questão. Russo ainda pode recorrer e, enquanto não houver desfecho da causa, pode ficar em liberdade.

Empresário e dono de negócio que aluga maquinários agrícolas, ele costumava publicar em suas redes sociais protestos contra a eleição de Lula. Publicou, inclusive, a movimentação na praça dos Poderes, em Brasília, no dia da invasão.

Russo foi sentenciado pela prática dos crimes de associação criminosa armada, abolição violenta do Estado Democrático de Direito, tentativa de golpe de Estado, dano qualificado e deterioração de patrimônio tombado, segundo o STF.



Comentários

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE