Projeto que reduz tarifa de ônibus de Dourados será votado em regime de urgência

Medida é de autoria do Executivo e foi incluída na pauta desta segunda-feira

| MIDIAMAX/MARCOS MORANDI


Vereadores votam 35 projetos (Foto: Marcos Morandi)

O projeto de Lei do Executivo, que reduz a passagem de ônibus em Dourados de R$ 3,50 para R$ 3,25, será votado nesta segunda-feira (9) em regime de urgência especial pela Câmara Municipal de Vereadores. O assunto consta da pré-pauta aprovada pelos parlamentares no período da manhã.

A proposta de adiamento, que foi defendida pelo líder de governo, Sérgio Nogueira (PSDB), recebeu 16 votos favoráveis e dois contrários. O pedido foi apresentado para que o Executivo apresente os impactos dessa redução no orçamento do município.

Antes do parecer da Comissão de Orçamento e do pedido da liderança, a sessão foi suspensa por duas vezes pelos parlamentares, que inicialmente chegaram a discutir a apresentação de um pedido de vistas.

“Isso é um benefício que vai atingir as mais variadas camadas da sociedade. Primeiro o usuário comum que usa o transporte público para ir para o trabalho ou faculdade e terão mais economia', comentou o prefeito Alan Guedes ao protocolar a medida na Câmara de Vereadores.

Ainda segundo o prefeito de Dourados, a proposta “beneficia também as grandes empresas da cidade que se utilizam do nosso sistema para transportar seus servidores'. O chefe do Executivo ressaltou que para que a redução aconteça, o município irá conceder um subsídio mensal de R$ 380 mil.

Além da proposta de redução da tarifa de ônibus, os vereadores de Dourados discutem e votam mais 34 projetos de lei na sessão ordinária desta segunda-feira (9). Desse total, 22 são de concessão de Diploma de Honra ao Mérito.



Comentários

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE