'Família do tráfico' é presa após ação do Choque em Campo Grande

Uma adolescente de 17 anos estava com um revolver calibre 38 na cintura

| MIDIAMAX/MARCOS TENóRIO


(Foto: Divulgação/Choque)

Dois foram presos e um menor apreendido por tráfico após o Batalhão de Choque na noite da sexta-feira (6), em Campo Grande, após uma denúncia anônima indicar local no Jardim Canguru que seria utilizado como ponto de distribuição de drogas. Os policiais esperaram até a mulher de 37 anos e seu filho, um adolescente de 17 anos, saírem de casa, para realizarem a abordagem.

No local, havia acabado de chegar um veículo Fiat Palio, conduzido por um homem de 56 anos, companheiro da mulher. Ele teria deixado o local rapidamente a pé ao se deparar com os policiais, mas foi abordado e tentou dispensar a chave do veículo foi apreendido.

Durante revista pessoal, o adolescente carregava um revólver calibre 38 na cintura. A mulher possuía um mandado de prisão em aberto. Ao ser questionada sobre as denúncias, revelou que sua residência teria sido alvo de operações da Polícia Civil no ano de 2017, quando o casal foi preso por tráfico de drogas.

No imóvel, os policiais apreenderam uma porção de cocaína no quarto do casal, além de dez munições calibre 9 mm no quarto do rapaz. O dono do veículo negou residir naquele endereço, mas segundo os militares, havia diversos objetos dele, indicando que suas alegações eram falsas.

No veículo, policiais apreenderam cinco tabletes de pasta-base de cocaína, além de uma porção da mesma substância encontrada no quarto do casal. Os suspeitos foram conduzidos a esta Delegacia e estão à disposição da Justiça. A droga e o veículo foram entres na Denar (Delegacia Especializada de Repressão ao Narcotráfico).



Comentários

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE