Idoso é preso com 35 kg de cocaína no catalisador de caminhão

À polícia, caminhoneiro contou que receberia R$ 10 mil para transportar droga da Bolívia até Bauru, São Paulo

| MIRIAN MACHADO E BRUNA MARQUES / CAMPO GRANDE NEWS


Policial durante mostrando onde droga estava escondida. (Foto: Bruna Marques)

Um idoso, de 64 anos, foi preso na madrugada desta quinta-feira (28) quando levava 35,2 kg de cocaína da Bolívia até Bauru, São Paulo.  A droga estava escondida no catalisador do caminhão. O idoso contou que receberia R$ 10 mil pelo transporte.

O caminhão carregava ferro gusa para despistar a polícia. A prisão aconteceu na BR-262 em Campo Grande durante a Operação permanente Unitatem, de parceria entre a PRF (Polícia Rodoviária Federal) e a Denar (Delegacia de Repressão ao Narcotráfico). Policiais fizeram campana no local e durante abordagem localizaram a droga com o idoso.

O Chefe de Serviço de Operações da PRF, João Bueno, explicou que a droga vinha da Bolívia através de Corumbá. Segundo ele, diferentemente da maconha que é transportada em grande quantidade, a cocaína estava escondida no catalisador do caminhão, totalizando 35,2 kg.

“Transportada em quantidade menor, as quadrilhas utilizam os chamados “mocós' nos veículos para esconder a cocaína. Neste caso utilizaram o catalisador do caminhão, onde fica os gases. Eles fazem uma ligação direta. Por conta dos gases e do aquecimento, a droga estava derretendo a droga exala um cheiro muito forte', detalhou Bueno.

O caminhoneiro contou que receberia R$ 10 mil pelo transporte chegando em Bauru (SP).

Ambos foram levados para a Denar. Caminhão e droga apreendidos deram prejuízos de R$ 2 milhões aos criminosos.

Operação Unitatem – Significa em latim ‘União’, ou seja, a união entre as duas forças PRF e Polícia Civil/Denar. Esta é a 3ª ação da operação este ano.



Comentários

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE