Coluna do Pigosso: Mustang Amarelo

| ADEMIR PIGOSSO


Ademir Pigosso (Colunista)

MUSTANG AMARELO

No ano de 1994, um jovem de 17 anos, chamado Mike Emme, tirou sua própria vida, sem que seus familiares ou amigos desconfiassem de que ele precisava de ajuda. Em seu funeral, familiares e amigos levaram fitas e cartões amarelos com os dizeres: “Se precisar, peça ajuda”.

No mês de setembro, é comum que campanhas com o slogan “setembro amarelo” apareçam com vigor nas mídias, reforçando a importância da prevenção do suicídio e zelo com a vida. A ação se expandiu pelo país com grande força, quando, no ano de 2003, a OMS decidi instituir o dia 10 de setembro como o dia mundial de prevenção do suicídio, escolhendo a cor amarela para o movimento.

Já no Brasil, a campanha tem início em 2015, com o auxílio do CVV (Centro de Valorização da Vida). A ação tem como principal objetivo a conscientização da população a respeito do suicídio no país, dando mais visibilidade e proporcionando mais opções para que as pessoas procurem ajuda.

Também aqui no município de Ivinhema a campanha vem tomando força, onde são ministradas palestras, entrevistas e reuniões. Todo o trabalho tem o seu valor, valor esse que é de salvar vidas. Embora sabemos que a saúde mental ainda é um tabu em nossa sociedade. Quebrar barreiras e preconceitos é o desafio do momento, onde se preciso for devemos buscar por profissionais para o auxílio.

No Brasil são registrados mais de 13 mil suicídios todos os anos e ultrapassando 01 milhão no mundo. É uma triste realidade, que registra cada vez mais casos, dentre eles estão os jovens. A depressão e o transtorno bipolar são os maiores causadores desse maleficio a nossa sociedade mundial.

A vida é o dom mais precioso que Deus nos deu, devemos ter a consciência de cuidar e orientar a quem precisa de ajuda.

VIVER SIM, RETIRAR A VIDA NÃO!

(Ademir Pigosso)

 

Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Site AconteceuMS



Comentários

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE