Após homem morrer atropelado, moradores protestam por mais segurança na MS-156

Manifestantes usam pneus e faixas para interditar a via

| TOP MíDIA NEWS/NATHALIA PELZL


Foto: Reprodução/Dourados News

Desde as primeiras horas da manhã desta quinta-feira (3), moradores protestam na MS-156, na parte sul de Dourados, pela falta de segurança para os usuários da via.

Um homem, identificado como Fábio Ramires, de 64 anos, foi atropelado por um VW e morreu. O caso aconteceu no domingo (29).

De acordo com informações do site Dourados News, os protestantes estão com pneus e faixas, e se aglomeram a poucos metros do trevo do DOF (Departamento de Operações de Fronteira), que dá acesso à rodovia estadual, BR-163 e Coronel Ponciano. 

Em outro ponto também na MS-156, na parte Norte, entre Dourados e Itaporã, indígenas continuam os protestos e mantêm o bloqueio da rodovia desde a manhã de terça-feira (1). Eles protestam pelos problemas enfrentados no transporte aos universitários que moram na Reserva Indígena.



Comentários

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE