Casal que fazia delivery de LSD e ecstasy que vinha de Santa Catarina é preso em Campo Grande

O casal teve prisão convertida e foi levado para o presídio

| MIDIAMAX


(Henrique Arakaki, Midiamax)

Foi preso um casal de 220 e 22 anos, no bairro Cristo Redentor em Campo Grande por equipes da Denar (Delegacia Especializada de Repressão ao Narcotráfico), após a descoberta de delivery de drogas sintéticas, além de maconha e haxixe.

Segundo o delegado Hoffman D’Ávila, os policiais receberam várias denúncias sobre a comercialização de drogas na região feita pelo casal. Os investigadores montaram campana e viram quando usurários iam até a casa para comprar drogas.

Os policiais entraram na residência e lá encontraram 106 micro pontos de LSD, sendo que casa micro ponto era vendido por R$ 20, além de 111 comprimidos de ecstasy que cada um era vendido por R$ 35. As drogas sintéticas vinham de Santa Catarina. Um colete balístico também foi apreendido na casa.

Na casa também localizaram porções de maconha e haxixe, sendo que cada porção de maconha era vendida por R$ 10 e cada porção de haxixe por R$ 30. Os dois foram presos e já levados para o presídio.



Comentários

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE